Monte sua horta em casa com garrafas plásticas

Garrafas plásticas podem ser transformadas em mini vasos

Garrafas plásticas podem ser transformadas em mini vasos. Hortelã no vaso do meio e alho no vaso à direita (Foto: Orleans Costa)

Nem todas as residências possuem espaço para se montar uma horta grande, principalmente em pequenos apartamentos. Mas é possível reaproveitar garrafas plásticas, que são normalmente descartadas, como garrafas de leite ou as conhecidas pet de refrigerantes.

Como fazer?

  1. Nas garrafas plásticas de leite fica mais fácil. Corte a garrafa na altura da 4ª ou 5ª marca, contando de baixo para cima.
  2. Na parte que estiver o gargalo, faça um recorte. Isso ajudará a entrar mais luz e deixa mais espaço para a planta crescer.
  3. Faça um furo no meio da tampa, pode ser com um prego, e tampe novamente o gargalo.
  4. Vire de cabeça para baixo e encaixe a parte cortada superior da garrafa na parte inferior. Dessa forma, você cria um reservatório para o excesso de água quando molhar a planta, e ainda dificulta a possibilidade de procriação do mosquito da dengue. Mas a parte com o gargalo não pode encostar totalmente no fundo, ou não deixará a água excedente passar.
  5. A água excedente pode ser descartada posteriormente ou você poderá reutilizá-la para molhar a planta novamente em outro dia.
  6. Preenche com terra até a áltura de mais ou menos 5cm da borda e boa semeadura.
Manjericão plantado em vaso de garrafa pet (Foto: Orleans Costa)

Manjericão plantado em vaso de garrafa pet (Foto: Orleans Costa)

O mesmo procedimentoo pode ser feito com garrafas pet.

  1. Corte a garrafa mais ou menos na metade. Quando encaixar a parte superior na inferior o gargalo não pode encostar totalmente no fundo ou não deixará a água excedente passar. Apare mais um pouco se precisar.
  2. As pets de refrigerante encaixam melhor e vedam completamente o recipiente que armazena a água. Nesse caso, use uma pedra para não deixar a terra passar pelo gargalo, mas que fique um espaço. As raízes das plantas crescerão na direção da água. Assim, você nem precisará molhar as plantas constantemente. Ela se encarregará de captar água do reservatório abaixo.
  3. Depois de encaixar as duas partes, é só preencher com terra e plantar.

Prefira ervas que se adaptem a vasos pequenos, como manjericão, alecrim, hortelã, cebolinha, salsinha.

 

Mas você poderá aproveitar outros recipientes e transformá-los em vasos. Veja algumas opções:

Outra opção com garrafas pet (Foto: cleantick.com)

Camomila germinou em um recipiente de plástico que teve a tampa danificada (Foto: Orleans Costa)

Camomila germinou em um recipiente de plástico que teve a tampa danificada (Foto: Orleans Costa)

I like! #DIY #garden

O velho barco virou um belo jardim (Foto: recyclart.org)

A velha churrasqueira se tornou um mini jardim suspenso (Foto: Pintrest.com)

O candelabro foi transformado em uma pequena floreira (Foto: Junk Mail Gems Blog)

As pets e vidros também podem ser transformados em vasos suspensos (Foto: inhabitat.com)

Chaleiras antigas foram transformadas em vasos suspensos ao longo da escada (Foto: homedit.com)