Garçonete paga conta para bombeiros e recebe uma retribuição inesperada

Liz Woodward foi surpreendida após um simples gesto de bondade

Liza Woodward foi surpreendida após um simples gesto de bondade

Uma garçonete pagou do seu próprio bolso a conta para dois bombeiros que pararam para tomar um café da manhã no restaurante onde ela trabalhava, o 130 Diner, localizado na cidade de Delran, no estado norte-americano de New Jersey.

Era por volta das seis horas da manhã quando Liz Woodward (24), por acaso, escutou a conversa dos bombeiros Tim Young e Paul Hullings, que comentavam sobre como havia sido difícil combater um incêndio nas proximidades por exaustivas 12 horas.

Liz e os bombeiros Tim Young e Paul Hullings

Liz e os bombeiros Tim Young e Paul Hullings

Para expressar seus agradecimentos para os serviços públicos por eles prestados, Liz entregou a conta aos rapazes com uma mensagem nela:

“Hoje o café de manhã de vocês é por minha conta – obrigada por tudo que vocês fazem; por servir os outros e por correr para dentro dos lugares que todos correm para fora. Não importa o papel de vocês, vocês são corajosos, destemidos e fortes… Obrigado por serem tão ousados e fantásticos todos os dias! Alimentados pelo fogo e guiados pela coragem – que exemplo vocês são. Descansem!  Liz.”

A mensagem que a garçonete escreveu na conta para os bombeiros deixou-os comovidos

A mensagem que a garçonete escreveu na conta para os bombeiros deixou-os comovidos

Quando Tim e Paul leram a mensagem ficaram emocionados com o gesto. Comovidos, agradeceram a garçonete pela gentileza. Em seu perfil no Facebook, Tim contou sobre o ocorrido:

“Um gesto muito altruísta e bonito. Todos os meus amigos devem apoiar esta lanchonete. E quando Liz for sua garçonete, dê a ela uma gorjeta bem gorda!”

Eles descobriram que o pai de Liz é paraplégico e necessitava muito de uma van adaptada para cadeirantes para ajudar na sua locomoção.

Em sua página no site Go Fund Me ela escreveu:

“Embora ele tenha uma cadeira de rodas, não temos nenhuma maneira de transportá-lo para fora da nossa casa para que ele possa interagir com o mundo exterior – fora de atendimentos de emergência e consultas médicas. Uma van acessível para cadeira de rodas iria mudar a vida de meu pai”.

Liz-woodward7_2449924a

Mesmo tendo uma cadeira de rodas, Steve, pai de Liz, não consegue sair de casa sem um veículo adaptado

Para retribuir a gentileza, divulgaram a página que ela havia criado em um site de crowdfunding para levantar o valor necessário para ajudar seu pai. A meta era arrecadar em torno de 15 mil dólares mas, com a divulgação dos bombeiros, bateu os 65 mil dólares!

Liz_Woodward - tim-youngs_2449923a

Os bombeiros ficaram contentes em poder ajudar

Em sua página no Facebook, Liz disse que o que escreveu na conta era o que estava exatamente sentindo naquele momento.

Em entrevista à ABC News a garçonete humildemente falou sobre o seu ato de bondade:

“Tudo o que fiz foi pagar pelo café da manhã, e eu não achei que viria algo sobre isso, exceto que eles sairiam com um sorriso.

“A mensagem é para ser gentil com os outros, para pagá-lo para a frente quando você pode -. Que até os menores gestos podem mudar a vida de alguém”.

Liz-woodward3_2449920a

Liz e sua família com os bombeiros

Fonte: The Sun