Startup cria dispositivo de emergência wearable

20160509123434_Nearbee-Alfabee-2Pegando carona no crescimento dos casos de violência e crimes no país, a Nearbee desenvolveu um aplicativo social de geolocalização que permite a colaboração mútua entre pessoas próximas.

E para deixar tudo ao alcance de um toque, apresentou ao mercado brasileiro o Alfabee, um dispositivo de proteção individual que, durante uma situação de perigo, permite ao usuário pedir ajuda por meio de um serviço de monitoramento que funciona 24 horas por dia, o Monitorbee.

O sistema lembra muito o da conhecida Car System. Ao ser acionado, o Alfabee envia um sinal de alerta para a central com a localização da ocorrência junto com um áudio captado nos primeiros quinze segundos. Além da central, autoridades, parentes, amigos e pessoas próximas pré-definidas pelo usuário são contatadas. Pessoas que estejam aptas a ajudar, mesmo que não conheçam o usuário, também recebem o alerta.

Além da função socorro emergencial, o Alfabee também permite ativar o modo de segurança preventiva. Desta forma, em situações de alerta do dia a dia, o usuário pode ser acompanhado de perto pela sua rede de contatos.

O dispositivo ainda conta com proteção antifurto de smartphone. Um lacre virtual que inicia um processo de verificação e recuperação quando o usuário se afasta demais do aparelho sem desativar essa função. O recurso também pode ser ajudar a encontrar seu aparelho caso o perca por aí.

O Alfabee chega ao mercado brasileiro em três cores (Foto: Nearbee)

O Alfabee chega ao mercado brasileiro em três cores (Foto: Nearbee)

O Alfabee já pode ser adquirido no site da Nearbee pelo valor de R$ 99,90 nas cores amarelo, prata e preto. Mas para que o dispositivo wearable garanta a segurança do usuário, é necessário contratar também o serviço de monitoramento. O primeiro mês é grátis e o preço da anuidade sai por R$ 130. Se adquirir junto com o dispositivo, o pacote fica por R$ 200.

Segundo o fabricante, o público-alvo é formado principalmente por mulheres, idosos, que podem ser monitorados remotamente com mais qualidade e eficiência por sua família, e outras pessoas expostas à violência.

O aplicativo pode ser baixado gratuitamente na Google Play ou na App Store.