Coreia do Sul volta a ser o país mais conectado do mundo

Foto: AFP/Patrick Hertzog

Foto: AFP/Patrick Hertzog

A Coreia do Sul é o país mais conectado do mundo, passando à frente da Dinamarca, de acordo com o relatório de 2015 da União Internacional das Telecomunicações (UIT), que mede o grau de desenvolvimento da sociedade da informação.

A Coreia do Sul, primeiro lugar na classificação de 2013 voltou a liderança, seguida pela Dinamarca e Islândia.

Este ranking é baseado em um “índice de desenvolvimento” da tecnologia informática e de telecomunicações (TIC). Este índice, calculado pela ITU, classifica os países de acordo com seu nível de acesso às TIC (internet, telefone, móvel), sua utilização e as suas competências nesta área.

Com exceção da Coreia do Sul, um único outro território não europeu, Hong Kong, está no top 10 do ranking, enquanto os países africanos monopolizam os últimos dez lugares.

A França, 18º em 2014, subiu para a 17ª posição, atrás da Alemanha, Estados Unidos ou Nova Zelândia, mas à frente de Bélgica, Canadá e Áustria.

Segundo o relatório, “3,2 bilhões de pessoas estão conectadas, ou 43,4% da população mundial, enquanto o número de usuários de celular atingiu quase 7,1 bilhões em todo o mundo, com mais de 95% da população servida por um sinal de celular”.

Em 2020, a UIT calcula que 56% dos lares em todo o mundo terão acesso a internet, mas o número de utilizadores da internet só deve representar 53% da população mundial.

Nos países em desenvolvimento, o relatório antecipa uma taxa de domicílios ligados na ordem de 45% em 2020 e apenas 11% nos países menos desenvolvidos.

Fonte: AFP