Herod toca Kraftwerk no Sesc Pompeia

herodpost-kraftwerkO post-rock instrumental da Herod, atualmente um quarteto, já embasou muitas trips para quem é vidrado em experimentalismo, sobrecarga de guitarras, efeitos, timbres e bateria cheia de volúpia. Entre a sutileza do shoegaze e a agitação do noise, a banda apresenta agora um catálogo diferente e recria organicamente sete faixas dos alemães do  Kraftwerk dia 13 de outubro, no SESC Pompeia.

A Herod visita o repertório das fases entre Autobahn (1974) e The Man Machine (1978) e coloca sua identidade nas releituras de “Autobahn” (tocada na íntegra), “Antenna”, “Radioactivity”, “The Hall of Mirrors” e outras. A banda tirou as músicas e rearranjou os acordes, sintetizadores, teclas e bateria eletrônica para sua própria linguagem: parede de som e muita dissonância com guitarra, baixo e bateria. Para algumas músicas, eles inclusive fazem os vocais, algo atípico na história do grupo.

Trabalhando na ideia há mais de um ano, refazer Kraftwerk desta maneira foi um exercício de criatividade para os músicos, que passaram muitas horas em estúdio ouvindo os originais e testando no feeling. Pioneira na arte de soar futurista, a banda alemã ainda inspira pela inovação sonora e é escola atemporal para bandas atuais – prova irrevogável do zeitgeist, que por si só, também inspira a Herod.

herod-1-credito-herod

Foto: Andreza Francisco/Divulgação

Os ingressos custam entre R$ 6 e R$ 20.

O SESC Pompeia fica na Rua Clélia, 93, em São Paulo (SP).